sábado, 1 de agosto de 2009

Felicidade


Pergunto-me a mim próprio se sou feliz, e a resposta é negativa.
De seguida questiono-me porquê e se gostaria de o ser. Respondo-me que gostaria e que talvez não seja feliz porque talvez não saiba procurar correctamente a felicidade, ou então não saiba definir correctamente os padrões de felicidade.
A felicidade é algo mutável, com vários "patamares"...

6 comentários:

pinguim disse...

Ninguém sabe, amigo Lampejo...
Sim, ela é mutável e tu hás-de ter a prova disso.

Vi que puseste aqui em prática o que eu pretendia; eu já experimentei e dá bem. Vou pôr um post assim...

Abração.

Rui Caetano disse...

http://www.cidade-com-futuro.com/

Algbiboy disse...

Por ser mutável, devemos aproveitar essa qualidade e sermos nós geradores da mutação...
Abração grande
Miguel

White disse...

A felicidade depende de nós e não dos outros. Se formos felizes connosco próprios, poderemos ser felizer com os outros.
È preciso termos uma visão positiva da vida e do nosso mundo, porque temos de ver o copo meio cheio e não meio vazio. Só depende de nos.

Abraço

F3lixP disse...

Tudo tem o seu tempo mas uma coisa é certa, se a procuras (a felicidade) então o mais certo é não a encontrares, a desgraçado gosta de aparecer de surpresa! ;) Ela vai-te encontrar! Abraço forte!

Carametade disse...

Deixei-te uns "mimos" lá no meu blog.
Abraço