segunda-feira, 14 de maio de 2007

Desconcertadamente

o mundo gira desconcertadamente
num eixo verticalmente
perigosamente pendente
numa dissimetria sem igual,
polarizam-se extremos
cavam-se abismos
semeiam-se alvitres tristes
ofuscam-se as sementes
num individualismo sem igual

10 comentários:

Natacha disse...

Fiquei desconcertada com a forma fotográfica como dizes TUDO! É mesmo assim ...

beijinho

peciscas disse...

Desconcertada e infelizmente...
É assim!

pinguim disse...

Urge perguntar: até onde iremos ?

Catatau disse...

Bela imagem da espiral da(s) vida(s).

Will disse...

Assim é o mundo...

Shadow disse...

Assim é a (nossa) desconcertante realidade...

Beijinho! :-)

RIC disse...

Tudo à nossa volta parece fomentar o individualismo. E o egocentrismo. E o egotismo. E o egoísmo...
Será uma consequência do «eixo inclinado»?...
(Não aprecio o «pseudo-poeta». Ou é poeta ou não é. Eu acho que é.)
Abraço! :-)

Natacha disse...

Laaaampeeeeejoooooooo!!??

:(

Esperando que estejas bem, deixo um beijinho ... dos pacaninos ;)

lampejo disse...

Natacha, infelizmente o mundo é assim...
Beijinho

Peciscas, sem dúvida...

É necessário, sim amigo Pinguim, se quisermos ainda reverter o rumo dos acontecimentos.

É uma das minhas imagens, amigo Catatau...

Para mal dos nosso pecados, Will.

Tiste realidade, Shadow.
Beijinho. :)

Cada vez mais assistimos a essa realidade, nua e crua...
Fico agradecido, pela tua simpatia, mas para poeta, "ainda tinha que comer muita broa".
Abraço! :)

Natacha, apenas questões técnicas.
Beijinho.

Little Girl Blue disse...

é só verdade.