quinta-feira, 15 de fevereiro de 2007

Sofisma algébrico

Assim se prova que dois é igual a três!

Partindo da igualdade:
2-2 = 3-3

A diferença (2-2) pode ser escrita sob a forma de produto, 2(1-1). Da mesma forma (3-3) = 3(1-1).

Assim ficamos com:
2(1-1) = 3(1-1)

Dividindo ambos os membros dessa igualdade pelo factor comum (1-1), resulta que
2 = 3

Onde está o erro?

5 comentários:

Tongzhi disse...

Não vou dizer, para já, qual é o erro. Mas que é de palmatória, lá isso é!!!

Catatau disse...

Eu cá tb não vou dizer, mas é um erro daqueles que merece um capacete de orelhas de burro, virado para o canto mais escuro da sala e ficar sem recreio durante uma semana, além de ter de escrever a solução 500 vezes (e com a mão esquerda)! :D

Movimento em Defesa do Rio Tinto disse...

Dividir por zero(1-1=0), é tão impossível como dar um beijo no cotovelo.
Mais fácil é defender um rio!

Lampejo disse...

O sofisma era óbvio, apenas bastava estar com atenção, divisão por zero não existe, é impossível. O movimento em defesa do rio tinto esteve bem.

TZ, isto para ti é brincadeira... ;)

É isso mesmo Catatau. :D

Tongzhi disse...

Pois é! Ainda hoje na aula um "euribor" fez esse tremendo disparate! Acabei por colocar este teu desafio antes de lhe apontar o erro!