sábado, 27 de agosto de 2005

Noite Feliz...

Apesar dos (pequenos) excessos, não aquela delambida boys band, e em bom-nome, não daquele das ricas e abastadas famílias da outrora sociedade resplandecente, cometidos ontem a noite, esta foi "maravilhastica".
-"Escredo", "escruzes", "esganhoto", tanto tro(u)ca...tro(u)ca...trocadilho.
-Ai! Querem lá ver, o gajo ficou gago, com tanta emoção, qui sa , engasgado, por uma tamanha espinha do bacalhau a lagareiro, que se lhe espetou, na garganta...
Depois de tamanho repasto, pela calada da noite, cavaleiros armados, em nome do imperador, partimos a conquista, das ruas e vielas, seguindo a luz brilhante, não da estrela polar, mas sim, de uma esplendorosa pedra preciouzzz.
Finalmente pela aurora da madrugada, apesar dos pesares e das diminutas baixas, a cruzada chegou ao fim.

-Querem lá ver que o gajo, está com uma tremenda diarreia mental, qui sa, o "petróleo" deu-lhe volta a cabeça!!!!!
-Cala-te, já me dói a cabeça...
-Não te chegou, ontem a noite!
-Tanto papel e tinta de ecrã desperdiçados, e agora, onde é que este gajo vai limpar o cu, e pintar a cara?!
-Não sei, se lhe diga, para ele parar de postar, ou, o mando pastar!
Vá lá agora a sério, não é que, não estivesse a falar a sério, com tais palavras desvairadas. "...noite feliz, noite feliz..."
-CALA-TE, MAS QUANDO É QUE ESTE GAJO SE CALA!!!!!!!!
-Ai! Querem lá ver isso, vamos ter que aguentar com o gajo! (mais *)
Gostei, e se me for permitido, "...quero mais, e muito mais..."
Já estou a ver os tro(u)ca...tro(u)ca...trocadilhos que vão fazer com estas frases.
Aguentar! Será que o gajo pesa assim tanto?! O que tu queres, sei eu...
-Oh pa!!!Está calado, já chega, olha que eu arregaço a saia, e de cima deste meus lindos sapatos de saltos altos, vou-me a ti, e (es)fa(or)nico-te todo. (mais *)
-Cala-te, já me doem as "vistas", os "ovários", de tanto te ouvir falar!
Ah! Agora, não pensem que se vão livrar de mim facilmente! "Pegou me deu um laço. Danço bem no compasso, de prazer, levantou poeira. Poeira, Poeira, Poeira... Levantou Poeira..."
-Pára lá com isso, se não um gajo vai ficar com o(s) olho(s) todo(s) tapado(s) com tanta poeira. (mais *)
-Vai dar banho ao bicho.
Qual bicho, o que deu ao corpinho de feijão?
-Lava-me esses olhos e pêlos de urso, o fumo deve estar-te a afectar o cérebro!

Vou então terminar, porque já me dói o pulso (nada disso), mas sem antes, vos agradecer. Obrigado pela magnífica noite, estava a precisar, foram uns amores. E desculpem qualquer coisinha...
-Estava a ver que o gajo nunca mais se calava, ufa!
-Raios, com tanto fotógrafo paparazi, não era mais fácil, o gajo ter aqui postado uma foto, com uma simples legenda. (Recordações de um bom jantar), ou talvez, (Retalhos de uma noite monumental).

(*)sorrisos.

12 comentários:

Swatch disse...

Isso é que é pedalada Pelourso, tava a ver que nunca mais te calavas!!! Lololololololololol
Foi bom teres vindo e "engrossado" este grupo de amigos.
Como diz o nosso amigo Catatau, este "engrossado" pode dar pano para mangas, ou talvez não ;)

Catatau disse...

Mas houve "engrossanço" de alguma coisa que me escapou?! Esta noite deve ter sido mesmo muuuuuuuito calórica! ;)
(Lá dizias tu Swatch, lá dizias tu!) :)))

Swatch disse...

Lolololol Catatau - nada de "engrossanços" ;)
A próximja jantarada é contigo; estás convocado ;))

bueno disse...

lendo os blogs, as diferentes descricoes, fica a imensa vontade de ter divido a noite de alegrias com voces. pena que berlim nao seja em portugal. sao tantas penas que nem vale a pena mencionar.

Lampejo disse...

O prazer, também foi meu, SW.
Foi bom materializar os rotos, encaixar as duas peças do puzzle, a mente e o físico.
Fogo, também já estava farto de ouvir o gajo, estava a ver, que tinha-lhe que por uma rolha na boca. Lololol.
Tem um resto de um bom fim-de-semana.

Catatau, portaram-se todos bem.
Poderá, eu não os deixei portar mal, senão tinham que ir para o cantinho de castigo. Lolol.
Tem um bom fim-de-semana.

Cláudio, felizmente não foram as penas do pavão. Lololol.
Diz-se que "o mundo é pequeno", eu diria mais, pequeno para certas coisas, grande para outras...

Tongzhi disse...

Não estejam a "olhar" para mim que desta vez não fiquei "grosso"

LOL

wolvie disse...

Pois... mas ficaram outros. Vi um no espelho no outro dia. ;) eh eh.
Excelente descrição poética do jantar. Tenho para mim que tens jeito para estas coisas. ;) Hugz

bueno disse...

nao foram penas de pavão, não. (embora eu as ache lindas) nem foram as penas do travesseiro. um mundo nos separa, grande ou pequeno, e lá fora eles falam alemão!

Catatau disse...

Eu já lhe ouvi chamar muitas coisas, mas "cantinho de castigo"!... :)))))))

Lampejo disse...

Cláudio, eu percebi muito bem o que você quis dizer no seu primeiro post, apenas estava brincando com as palavras e nunca com os seus sentimentos, longe de mim.
Quando fiz referencia as penas de pavão, era simplesmente uma brincadeirinha.

Preciouzzz disse...

Adorei, adorei, adorei... foi mais uma grande festa! Gostei muito de conhecer o menino! Merci

Beijos, muitos

Zoick disse...

ehehehheheheheh
Grande forma de comentar o jantar! Adorei!
Um abraço